Portfolio Item
Vacinação de
URGÊNCIA
Portfolio Item
Vacinação em
DOMICÍLIO
Portfolio Item
VACINAS DISPONÍVEIS
Portfolio Item
Vaccini para
EMPRESAS
Portfolio Item
Vaccini para
ESCOLAS
Portfolio Item
Consulta ao Viajante
CBMEVi
Portfolio Item
VÍDEO Institucional
Portfolio Item
Calendários de Vacinação
SBIm
Portfolio Item
Guia de Saúde
VIAGENS DE NAVIO
Portfolio Item
PLANOS DE VACINAÇÃO
Portfolio Item
Curso de GESTANTE

Existem duas vacinas de alta eficácia na prevenção da infecção pelo HPV. Elas oferecem taxa de soroconversão (capacidade de gerar produção de anticorpos e proteção) que chega a 99%.

Atualmente, estão registradas no Brasil duas vacinas contra o HPV. A produzida pelo laboratório MSD previne as infecções pelos tipos 6, 11, 16 e 18 de HPV e é capaz de evitar 70% dos casos de câncer de colo de útero e 90% das verrugas genitais. A produzida pelo laboratório GSK previne contra os tipos 16 e 18 e apresentam proteção cruzada também contra o tipo  45, ampliando a proteção contra o câncer de colo de útero.
É importante saber, também, que as vacinas não têm ação de tratamento, mas de prevenção. E elas não previnem todas as infecções pelo HPV e nem outras doenças sexualmente transmissíveis. Por isso, o programa de vacinação contra o HPV não elimina a necessidade da realização anual do exame preventivo, o Papanicolau, nem dispensa o uso de preservativo durante a relação sexual.

Esquema de doses: as duas vacinas tem esquemas de 3 doses.
Esquema vacina da MSD: a segunda 2 meses após a primeira dose e a terceira 4 meses após a segunda.
Esquema vacina da GSK: a segunda 1 mês após a primeira dose e a terceira 5 meses após a segunda.

Ambas podem ser administradas concomitantemente com outras vacinas do calendário da mulher, desde que em regiões anatômicas diferentes,.

Reações adversas esperadas: as vacinas contra o HPV são seguras e podem causar reações locais, como dor, edema e vermelhidão.

Contraindicações:
gotinhaGestação;
gotinhaAlergia a componentes da vacina.

As vacinas NÃO estão contraindicadas para:
gotinhaMulheres que estejam amamentando;
gotinhaMulheres imunodeprimidas.
Mulheres previamente infectadas
Antes de se vacinar,  consulte seu médico.

Consultora:

Dra. Isabella Ballalai (CRM: 5248039-5)
Diretora Médica da Vaccini – Clínica de Vacinação